Terça-feira, 17 de Dezembro de 2019

REALIDADE E UTOPIA

 

A época em que a Troika impôs a Portugal um rigoroso programa de austeridade já vai longe. As medidas que foram tomadas resultaram e o défice nas contas públicas tem vindo a diminuir prevendo-se que brevemente haja superavit. Há no entanto a ter em conta que a dívida pública ainda é elevada e não podemos dar passos em falso para não sermos obrigados a voltar para trás. O ano de 2020 não vai ser fácil para o Governo pois está em cima da mesa uma mão cheia de reivindicações, de vários sectores da Administração Pública, que podem causar instabilidade social. Dos pedidos que foram feitos passo a destacar os seguintes:

Enfermeiros-criação da carreira de especialidade e um vencimento adequado a estas funções. Uma nova tabela salarial para toda a classe e a generalização do horário de 35 horas semanais.

Médicos-pagamento integral do trabalho extraordinário. Negociação de uma grelha salarial que respeite a diferenciação técnica e profissional dos trabalhadores médicos. Remunerar o trabalho prestado ao sábado e além da urgência de um modo específico. O trabalho ao sábado das 8 h às 13 h ainda é equiparado a dias da semana. Parece que também são precisos mais médicos para algumas especialidades e para o SNS.

Polícias-melhoria de salários e melhores condições de trabalho-

GNR-reivindicam direitos salariais e sociais: actualização da tabela remuneratória e de pagamento de retroactivos.

Professores-contagem do tempo e descongelamento de carrieiras.

Assistentes Operacionais das Escolas- fim da precariedade e aumento dos salários. Corrigir as insuficiências de pessoal.

Registos e Notariado- pedem o fim das assimetrias salariais e melhores condições do sistema remuneratório.

A acrescentar a estas reivindicações há também os investimentos que têm de ser feitos em infraestruturas nomeadamente na Saúde, Educação e Transportes.

Saúde- obras em hospitais e Centros de Saúde.

Educação- obras em edifícios escolares

Transportes- modernização de caminhos de ferro e electrificação de troços : renovação da linha entre Covilhã e Guarda; electrificação do troço Viana do Castelo- Vigo. Modernização da linha do Oeste entre Mira- Meleças e Caldas da Rainha ; electrificação entre Lagos e Tunes e entre Faro e Vila Real de Santo António

Esta é a realidade que não pode ser posta de lado.  Mas em conexão com esta realidade encontra-se também uma utopia. Alguns partidos como o BE vão mais longe e pedem também uma baixa nos impostos e outros como o PSD um desagravamento da carga fiscal. Assim o aumento nas despesas devia ser acompanhado de uma diminuição das receitas baixando os impostos. Deste modo ,onde se vai  buscar o dinheiro para fazer face ao aumento das despesas? Se isto for possível teríamos a cereja no topo do bolo.

Esperamos que tudo seja resolvido, gradualmente e a seu tempo, sem pressas nem precipitações. Para que tudo corra bem é necessário apoio às pequenas e médias empresas e que o crescimento económico nos ajude.

publicado por pontodemira às 21:18
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. A Desigualdade No Mundo

. As Ideias Políticas e Soc...

. Europa-Rússia-América: O ...

. REALIDADE E UTOPIA

. POVO VS DEMOCRACIA

. A Economia do Bem Comum

. NÓS CONTRA ELES ( O fraca...

. O DECLÍNIO DO OCIDENTE

. Cmo Revitalizar Uma Econo...

. Trump e a política anti-i...

.arquivos

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Outubro 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds